segunda-feira, setembro 25, 2006

Morte de uma ou mais estrelas

Há dias tive um sonho.

Não foi um lindo sonho cor-de-rosa, mas tampouco um pesadelo propriamente dito. Pesadelo é sonhares que algo de mal acontece a ti ou a alguém que te diga alguma coisa.

Eu sonhei que tinha envenenado a Merche Romero. Isso mesmo. Eu, Sérgio de Andrade tinha deliberada e voluntariamente perpetrado o assassinato da ex ronaldo-girl. Escutai, agora a confissão do meu crime onírico.

Não me foi dado conhecer (ou se calhar olvidei-me) das causas e motivos de tão funesto homicídio, nem a forma como executei o meu plano, nem ainda que comida preparei ou que veneno usei. Quando a trama começou no sonho, já estava no seu clímax.

Eu e ela estávamos numa qualquer sala de jantar desconhecida, sem janelas nem portas nem qualquer outra via de conexão com o mundo. Tanto quanto sei, aquela enorme tumba selada e mobilada era o próprio mundo daquele leve pesadelo.

Ela já tinha ingerido a sua lauta, borgiástica refeição, e encontrava-se a gora prostrada no solo, a boca feita espuma, estrebuchando, contorcendo-se lentamente em direcção às portas da morte a meus pés.

Eu estava de pé, olhando para baixo. A vê-la morrer. Dentro de mim, eu era uma tundra, um árido deserto de gelo, sem qualquer emoção humana. Sem dó, pena, compaixão, remorsos. Mas também sem ódio, repúdio, desprezo ou alegria. Glaciar, desprovido de paixão de qualquer tipo.

Sem nenhuma palavra. Este foi, excepcionalmente, um sonho mudo.

Enquanto se iam consumindo os seus derradeiros segundos, babada e entre convulsões, a cara dela ia-se alternando entre a de Merche e a de Sharon Stone! Quando se deu o falecimento da criatura Merche/Sharon, algo quebrou dentro de mim. Uma lágrima, essa aguardente da alma, escoou do meu olho.

E chorei compulsivamente!

2 Comments:

Blogger carmuue tornou público que...

atrevo-me a dizer que tens um problemas com mulheres bonitas...
diagnóstico altamente fidedigo vista a minha formação ser da área da observação dedicada de individuos em bares e cafés..
(se bem que pessoalmente não ache a merche grande espiga...)

5:36 da tarde  
Blogger Sergy tornou público que...

LOL!
O meu único problema com mulheres bonitas é que as não conheço em número suficiente!:)

Mas se queres que te diga, eu não gosto nada da Merche (a Sharon, malgré a idade, não é bem assim...):)

7:57 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home