terça-feira, março 08, 2005

Freitas, Meneses e PP

Eu sou sincero...não gostei que o PS tivesse convidado o Prof. Freitas do Amaral para Ministro dos Negócios Estrangeiros, e também não gostei que ele tivesse aceite!

Em primeiro lugar, porque dá a idéia de ser um contrato pré-nupcial : troca o teu apoio por um ministério!

Em segundo, porque isso dá azo a que surjam situações caricatas destas:

- O PP vai enviar via correio a foto do Freitas do Amaral para a sede do PS!
Uma garotice inqualificável, digna de um pequeno partido em crise de liderança e identidade, que passou de peça fulcral do governo anterior a ter meia-dúzia de deputados!

- Luis Filipe Menezes classifica Freitas do Amaral de - e passo a citar - anti-ocidental e pró-fundamentalista, já que "não apoiou a implementação da Democracia no Iraque".
Ora, apesar de tudo, eu gosto de viver no Ocidente! É uma cultura de contrastes, mas oferece-nos muita coisa! E o facto de eu não apoiar a instalação de um governo fantoche numa zona que não tem o hábito da democracia ocidental, por parte do governo de Bush (que na realidade é controlado pela máquina Petrolífera-Industrial-Militar americana, o verdadeiro governo-sombra dos EUA), para este poder ter acesso facilitado e mais barato ao petróleo iraquiano, em deterimento das empresas Francesas e Alemãs cujos governos foram contra a Guerra por terem interesse na manutenção de Saddam Hussein... bom! Isso não faz de mim um anti-ocidental!
E logo eu, que sou a favor de toda a cultura pop do ocidente (cinema, net, filmes, dvds, bds, tv, bla, bla, bla!).
Luis Filipe Menezes é uma das minhas personagens favoritas do PSD! Eu até gostava que ele fosse eleito Presidente da Câmara do Porto.
Custa-me que ele tenha um visão tão básica das coisas!

(por outro lado, eu gosto dele por ser anti-rui rio, e pró-fcp - apesar de ele ser do sporting!
Que diabos, acho que afinal eu também tenho uma visão básica das coisas!)