quarta-feira, fevereiro 23, 2005

A todos os actores descrentes...



A crescente monotonia inerente à passagem das folhas do calendário é calada, dissipada sob o simulacro de uma máscara grega, um suave artifício.
Se o mundo é um palco, a tua vida é uma comédia de costumes...uma "vaudeville" melodramática...e tu tens "stage fright"!
Uma peça que tu por vezes esperas ser curta, mas que por vezes se alonga demasiado...
Outras vezes querias que ela durasse para sempre, de tão inebriado que estás com o papel...mas que acaba por terminar cedo demais.
Tem mudanças de ritmo, varia entre a comédia e o drama...sem intervalo. A tua vida é um tour de force teatral...mas é uma peça mal-escrita, com um casting muito mau...contracenas invariavelmente com canastrões psicológicos, péssimos actores e actrizes...o enredo é fraco e previsivelmente vai acabar mal. O enredo...o enredo torna-te quase sempre o alvo de partidas cruéis do destino...de coincidências tristes...de truques, piadas básicas, de um humor muito doentio.

Mas tu...tu representas muito bem...tu e só tu tens o poder de sozinho salvar esta peça do fiasco...e fazer a invisível platéia deste teatro alegórico irromper em riso, e lágrimas de emoção...e palmas...
Pelo improviso...quebra o teu medo do palco, usa o teu improviso e salva a peça!

Tu mereces um encore!

Muita merda!
Break a leg!

Posted by Hello