domingo, dezembro 19, 2004

Aborto, Deus e o meu quasi-enforcamento pré-natal

Uma das coisas que eu mais abomino no meu país é esta mentalidadezinha tacanha e moralistona!
Uma das coisas que mais me irrita é negar-se à mulher o direito básico de opção sobre o seu próprio corpo, adoptando uma das leis mais bárbaras da Europa, só por causa do que é "moral e religiosamente correcto". Direito à vida? Deixem-se de tretas! Um bébe que nasce é uma criatura que tem TODO o direito à vida, a uma boa educação, a um ambiente de qualidade de vida e a um lar onde haja amor e respeito.
Agora um feto de três meses? A partir dos 6 já está bastante formado, mas 3 meses?
Não entendo porque é que uma mulher não há de ter o direito a opção!
E a minha desculoa favorita é "É da vontade de Deus que essa criança nasça, mesmo que nasça ceguinha, sem pernas, braços e o caralho"
Foda-se, e é da vontade de Deus que os bébes nasçam nos quartos de banhos dos cafés e sejam atirados ao lixo? Aí os senhores do Clero já não se importam? É da vontade de Deus que uma criança nasça num ambiente de total degredo desprovida de amor e carinho, com sevícias várias, e torturas de cariz físico, psicológico e sexual?

E digo mais. Porque é que Deus há de ser responsável por tudo de bom e por nada de mau?
Os médicos quando curam não estarão, segundo as pessoas que defendem a penalização do aborto, a infringir a vontade de Deus? Será que a vontade de Deus não é que elas morram? Porque é que o Vaticano é contra a "cultura da morte" do aborto e da eutanásia, mas também é contra a clonagem? Não será a clonagem a "cultura da vida"? Porque é que é contra o estudo da utilização de células embriónicas para a cura da paralisia e do cancro?

Eu nasci de cesariana! Foi à risca. Ia-me enforcar no meu próprio cordão umbilical. É o que eu sou, um trapalhão, e um desastrado desde a nascença. Um loser elevado à quinta poência.
Porque é que os meus pais quiseram fazer a cesariana? Será que a vontade de Deus não era que eu morresse logo ali? Para me evitar bastante sofrimento mais tarde na vida? Será que os meus pais e os médicos estão condenados ao Sempr´Eterno Fogo? Nos meus dias mais negros - que na actualiade são bem frequentes - penso muitas vezes que sim, que não era suposto eu ter nascido, que tinha sido o melhor para mim e muita gente.


ps - como eu já tinha afirmado, odeio os domingos! Ahfuedasse, muito mais que as segundas-feiras! Acho que dá para ler isso deste post! Amanhã tenho um exame de fiscalidade de um cursinho pós-laboral que ando a tirar e estou quase a zero!

6 Comments:

Blogger Goth Mortens tornou público que...

Já agora, as pessoas que não bebem deviam proibir toda a gente de beber, as pessoas que não fumam deviam proibir o tabaco, as pessoas que não fodem...bom não preciso de dizer mais nada. É no que dá atirar para as mãos de um povo dominado por uma Igreja de falsos princípios, uma decisão tão importante como esta. Já agora, porque não prendemos as mulheres que todos os anos sofrem com abortos espontâneos sob a acusação de homícidio involuntário! Somos um país absurdo!

7:23 da tarde  
Blogger Sergy tornou público que...

True!

7:49 da tarde  
Blogger Miss I tornou público que...

Eu acho muito bem que os homens tenham a sua opinião (e estou completamente de acordo convosco!!) mas nunca percebi porque é que também votam nos referendos. É que tipo.. é quase como perguntar a uma miuda o que ela acha do exame à próstata. É que, quer ele esteja de acordo ou contra, nunca na vida vai ter que tomar essa opção em relação ao corpo dele ou ter que pensar nela, no máximo, vai tentar convencer a namorada do ponto de vista dele!

10:12 da tarde  
Blogger Sergy tornou público que...

Concordo!
Por isso é que acho que esse referendo devia ser respondido unicamente por mulheres!
A democracia é como um electrodoméstico, por vezes convinha abalar e agitar um bocadinho para funcionar melhor!

10:29 da tarde  
Blogger W. tornou público que...

Não concordo ctg Miss I: os homens são parte fundamental na concepção de uma criança (tirando na do Outro, há coisa de 2004 anos e nove meses) e enquanto co-responsáveis pela criatura também devem ter direito a votar no referendo. E terei todo o gosto de deixar as mulheres participarem quando for ilegalizada a palpação rectal como forma de determinar a condição da próstata...

4:15 da tarde  
Blogger W. tornou público que...

Em relação ao post, concordo com os pontos principais e com o Post-Scriptum: os domingos deviam ser banidos do calendário! Detesto-os! Vão-se e levem convosco os domingueiros, os passeios no Chópes e os fatos de treino com meia branca...

4:18 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home