domingo, novembro 28, 2004

Mente e Alma

Alma, a visão metafísica da nossa Mente?

A maior parte das relegiões monoteístas organizadas considera que os animais não tem alma.
E sendo nós animais, o que nos distingue dos animais ditos irracionais não é este brilho que a maior parte de nós possui, este poder de criar, de julgar, de coordenar, de codificar e descodificar, de exprimir o que sentimos através da combinação de sons, e/ou palavras escritas, esse poder de agirmos segundo conceitos (e preconceitos, quiçá), de bom/mau, certo/errado, justo/injusto, esse poder de subjugarmos os nossos próprios instintos animais e primordiais?
A mente leva-nos a termos acções, reacções ou inacções julgadas a nível da Sociedade como "boas" ou "más". Para os crentes, esses pensamentos, palavras, actos e omissões são usados para determinar a pureza da nossa alma!
A mente faz de nós o que somos, a todos os níveis. O que em tempos antigos era associado a maleitas da alma, possessões, bruxaria, licantropia, vampirismo, eram não mais que deturpações mentais, que no extremo levavam (e levam) a se cometerem alguns dos actos mais hediondos contra o próprio eu, os outros ou a natureza.

Desequilíbrio Mental - Maleita d´Alma!
Duas visões do mesmo conceito!